Área do representante



Blog - Imeltron

Buscar post:
  
9
AGO

Pausa para o Café com Bialetti Rainbow    

 


“Cheiro de café passado na hora”.

Quem é que nunca ouviu esta expressão? Ela remete a carinho, afeto e aconchego, não é mesmo? Pois saiba que isso não é só uma impressão, pois o café possui diversas propriedades e benefícios que fazem dele não apenas uma bebida, mas quase um remédio. Ele tem o poder de aumentar nossa energia, elevar nossa adrenalina, faz bem para a memória e nos deixa mais felizes, ativos e energizados.

O Brasil é um grande consumidor de cafés, mas há pouco tempo se rendeu ao que já existe lá fora: a cultura do preparo do café, que influencia (e muito!) no resultado final. Por aqui, muito se fala sobre o grão ideal, a moagem perfeita e o aroma, mas pouco se fala da extração do café, ou seja, o método usado para fazer o seu café do dia a dia.

Existe hoje uma infinidade de modelos de cafeteiras no mercado. O leque de possibilidades é tão grande que às vezes fica difícil escolher a que melhor se adapta ao seu gosto. Vou contar um pouco sobre uma das formas de extração de café mais utilizadas e conhecidas no mundo: a cafeteira italiana Bialetti Moka Express.

Bialetti Moka Express

A Moka Express foi desenvolvida em 1933 por Alfonso Bialetti, um gênio industrial da Itália. A cafeteira criada por ele revolucionou a forma de fazer café. Sua técnica utiliza pressão, imitando o funcionamento de uma máquina de expresso, e com isso oferece um café mais encorpado e aromático usando menos pó. 

Alfonso Bialetti trabalhou em uma fundição por alguns anos na França e, quando retornou para a Itália, fundou sua própria fundição, que produzia alumínio semiacabado. Em 1933, ele inventou um produto que revolucionou completamente a preparação do café, a cafeteira Moka. A notoriedade da marca, que já era grande, se tornou mundial quando o filho de Alfonso, Renato Bialetti, assumiu o comando da empresa e iniciou um processo de produção em nível de escala industrial. Renato investiu também em publicidade, com o logo do “homenzinho de bigode”, que é uma caricatura do próprio Alfonso Bialetti, criado por Paul Campani.

Diferente das cafeteiras de café expresso, a Moka Express vai ao fogo e é dividida em três partes: a caldeira, onde se coloca a água, o funil, onde é depositado o pó, e a base superior, que coleta o café pronto. A cafeteira é feita em alumínio, com design que ajuda na distribuição de calor, melhorando o aroma e sabor do café, além de possuir uma válvula patenteada que permite o uso da cafeteira em total segurança.

O café preparado na cafeteira italiana é feito da seguinte maneira: a água sobe devido à pressão que se forma no reservatório, ultrapassando o filtro e o funil onde fica o pó, e distribui o café preparado na base superior. Uma grande vantagem dela é o filtro de alumínio, que dispensa o uso do filtro de papel.

A cafeteira Bialetti, que já é linda no formato clássico, ganhou recentemente novas versões, que prometem fazer sucesso por aqui. A linha Rainbow conta com sete cores vibrantes e alegres que vão transformar seu café em um ritual ainda mais alegre e prazeroso. É só escolher sua cor preferida!

PREPARO DO CAFÉ:

Para preparar um café na sua cafeteira Bialetti abasteça a parte inferior com água, de preferência filtrada ou mineral, até o nível da válvula, não ultrapassando este limite. Coloque o funil e preencha-o com o pó de café sem compactar. Insira a base superior e roquei bem; feche a tampa e leve ao fogo baixo.

DICAS:

- A moagem do café deve ser média, pois se estiver muito fina, o café formará um bloco que impedirá a passagem da água pelo funil.
- A chama do fogão deve ser média ou baixa, evitando queimar o cabo da cafeteira.
- Após o uso, lave com água e detergente neutro. Não utilize palha de aço. Deixe secar totalmente; se preferir, antes de guardar, coloque papel toalha na parte inferior para eliminar totalmente a umidade no interior da cafeteira.

 

 

Página inicial | Voltar

  • Bialetti
  • BIALETTI CAFE
  • Ghidini
  • Emile Henry
  • Marcato
  • Leonardo
  • Gaggia
  • Luigi Bormioli
  • Cuisipro
  • Alfi
  • Eppicotispai
  • Packit
  • Barazzoni
  • Bisetti
  • S & P
  • Ariete
Imeltron 2013. Todos os direitos reservados.
Voltar ao topo!
Cereja